Nova regra de cobrança nos estacionamentos deve valer a partir de segunda-feira

Concessionária do serviço também irá realizar a parametrização do sistema. Presidente da CPTrans destaca que a tarifa de regularização de R$42 não vai deixar de existir

Por O Dia

As novas regras devem ter início já na próxima segunda-feira
As novas regras devem ter início já na próxima segunda-feira -
Petrópolis - A CPTrans enviou nesta terça-feira para publicação, a regulamentação das mudanças do estacionamento rotativo, após a sanção da lei pelo prefeito Bernardo Rossi na última sexta-feira. A CPTrans também oficiou a SinalPark para que seja feita a parametrização do sistema. Todo processo está sendo conduzido para que o mesmo já esteja funcionando de acordo com a lei até a próxima sexta-feira, dia 21.

O presidente da CPTrans, Jairo Cunha, disse que a cobrança do tempo excedente será feita de forma fracionada. “O usuário que tenha estacionado o veículo pelo período de uma hora e esteja em local sem acesso a nenhum dos canais de pagamento, e atrasou 20 minutos para regularizar seu bilhete, ele irá pagar uma fração de meia hora. Caso aconteça o mesmo caso, e o atraso seja superior a fração de 30 minutos, o usuário pagará o valor de uma hora inteira, isso dentro do período permitido de quatro horas”, explica.

O presidente da CPTrans destaca, ainda, que a tarifa de regularização de R$ 42 não vai deixar de existir. “O motorista que não pagar o primeiro período de uso, não regularizar o período excedente ou ultrapassar as quatro horas de utilização da vaga, estará sujeito a cobrança da taxa de regularização”, destaca.

O presidente da CPTrans também ressalta que todas as taxas de regularização que foram expedidas a partir da entrada em vigor da lei, e que estejam de acordo com a nova lei, serão automaticamente canceladas. “Mas deixo claro que apenas as taxas de regularização que estiverem de acordo com a nova norma. As que forem cobradas dentro do parâmetro legal, serão validadas”.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários