O Procon já fiscalizou todas as 29 agências bancárias do município, das redes pública e privada - Vinícius Ferreira
O Procon já fiscalizou todas as 29 agências bancárias do município, das redes pública e privadaVinícius Ferreira
Por O Dia
Petrópolis - O Procon/Petrópolis-RJ autuou e intimou a reabertura da unidade da Rua Marechal Deodoro, no Centro Histórico, do Banco Santander. Fechado há pelo menos cinco dias, o banco já havia recebido solicitação, por parte do órgão de defesa do consumidor, para que retomasse os serviços. Ao Procon municipal, a gerência da unidade informou que o motivo do fechamento é um caso suspeito de Covid-19 e que um serviço de higienização será realizado para que aconteça a reabertura.

O objetivo da autuação é zelar pela saúde do consumidor, evitando a aglomeração de consumidores nas demais unidades da rede bancária, já que o fechamento do banco leva os consumidores a buscar o atendimento em outras agências – como indica o cartaz fixado na própria unidade da Rua Marechal Deodoro, pedindo para que os consumidores se dirijam para os bancos da Avenida Koeller e Rua Paulo Barbosa, também no centro.

É recomendação da Secretaria de Saúde que se evite aglomeração dos consumidores. Inclusive, é o que determinam os decretos municipais sobre as regras de funcionamento dos serviços considerados essenciais durante a pandemia. Portando, ao fechar uma agência, o banco aglomera consumidores em outras. E, principalmente, aglomera na Rua Paulo Barbosa”, ressalta a coordenadora do Procon municipal, Raquel Motta.

O Procon já fiscalizou todas as 29 agências bancárias do município, das redes pública e privada. Foram mais de 20 autuações por fechamentos, que resultaram em aglomerações de consumidores. “Ainda que os bancos ofereçam meios de atendimento por internet banking ou aplicativos de celulares, é necessário garantir o direito de atendimento aos consumidores que não possuem acesso a esses serviços", destaca a coordenadora do Procon.