Prefeito Bernardo Rossi realiza vistoria no atendimento de pacientes com coronavírus na UPA Vermelha

Unidade do bairro Cascatinha foi recentemente transformada para internação exclusiva de infectados com a COVID-19

Por Ney Freitas

Ao todo, a UPA Vermelha possui 25 leitos exclusivos para a internação de pacientes infectados pelo novo coronavírus. Destes, 20 já foram entregues
Ao todo, a UPA Vermelha possui 25 leitos exclusivos para a internação de pacientes infectados pelo novo coronavírus. Destes, 20 já foram entregues -
Petrópolis - O prefeito Bernardo Rossi esteve esta semana na UPA de Cascatinha, a UPA Vermelha, para verificar o atendimento realizado aos pacientes contaminados pelo coronavírus na cidade. O local interna, hoje, exclusivamente pacientes com a doença provenientes de outros pontos de atendimento do município. A UPA disponibiliza, até o momento, 20 leitos de unidade de terapia intensiva totalmente equipados para compor os leitos de retaguarda contra a COVID-19.

Temos um plano de ação sendo seguido com a intenção de salvar vidas. A transformação da unidade foi mais um passo para que pacientes sejam internados e para que a cidade continue zelando pelo bem-estar da população. Vamos seguir com nossos planos, medidas e decretos para que possamos controlar essa situação e dar ainda mais segurança aos petropolitanos”, afirmou o prefeito Bernardo Rossi.

Ao todo, a UPA Vermelha possui 25 leitos. Destes, 20 já foram entregues. “Estamos aguardando a devolução de três ventiladores mecânicos por parte da empresa que realiza a manutenção e, também, a chegada de mais 15 aparelhos que foram comprados. Os cinco leitos restantes estão praticamente prontos para a entrega, o que deve acontecer o mais breve possível. Estamos juntos nessa guerra e temos certeza de que vamos conseguir mostrar crescimento da saúde mesmo em meio a uma pandemia”, explica o diretor geral das UPAS em Petrópolis, José Vitor Caldeira. 

Comentários