Homem baleado em operação policial no último final de semana morreu no hospital - Reprodução
Homem baleado em operação policial no último final de semana morreu no hospitalReprodução
Por O Dia
Petrópolis - O homem baleado depois de uma perseguição policial pela Rodovia BR-040 no último final de semana morreu no hospital nesta segunda-feira (25). Adriano da Costa, de 44 anos, era apontado como o líder do tráfico de drogas do bairro Independência.
Adriano e outro homem, de 24 anos, foram detidos na praça do pedágio da Concer, em Duque de Caxias, depois da perseguição que teve início na noite de sábado (23). Havia a informação de que os suspeitos deixariam a cidade com destino a Comunidade Vila do João, no Rio de Janeiro. Cercos foram montados no Duques e no Belvedere, onde eles furaram o bloqueio e partiram em alta velocidade.

Eles foram cercados na praça do pedágio, em Duque de Caxias. Sem atender a ordem de parada dada pelos PMs, ele teria feito menção de que empunharia uma arma e acabou baleado pelos agentes. De acordo com a polícia, contra o suspeito existiam sete mandados de prisões por tráfico de drogas, associação criminosa e homicídio.

Ele foi levado para o Hospital Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade. O corpo foi sepultado na tarde desta terça-feira, no Cemitério Municipal, no Centro de Petrópolis.