Barreiras Sanitárias de Rio das Ostras já fizeram mais de 72 mil atendimentos

Só estão autorizados a entrar no Município moradores, profissionais da Saúde e Segurança e caminhoneiros

Por Divulgação

No atendimento, os veículos são parados e os motoristas e passageiros passam por uma avaliação da equipe da Saúde para que nenhuma pessoa ingresse em Rio das Ostras com sintomas de síndrome gripal ou Covid-19
No atendimento, os veículos são parados e os motoristas e passageiros passam por uma avaliação da equipe da Saúde para que nenhuma pessoa ingresse em Rio das Ostras com sintomas de síndrome gripal ou Covid-19 -
Rio das Ostras - Para evitar o aumento do risco de contágio por conta da pandemia do coronavírus, as Barreiras Sanitárias estão funcionando a todo vapor em Rio das Ostras. Mais de 72 mil atendimentos já foram realizados nas quatro barreiras desde o dia 13 de abril. É importante frisar que este número de pessoas atendidas é referente à passagem delas pela Cidade. Não necessariamente elas ficam no Município.

Em muitos casos são de pessoas que trabalham em municípios vizinhos e outras que fazem entregas no comércio de Rio das Ostras.

No atendimento, os veículos são parados e os motoristas e passageiros passam por uma avaliação da equipe da Saúde para que nenhuma pessoa ingresse em Rio das Ostras com sintomas de síndrome gripal ou Covid-19. Só estão autorizados a entrar no Município moradores, profissionais da Saúde e Segurança e caminhoneiros.

As Barreiras Sanitárias estão funcionando em quatro pontos, nos limites da Cidade com os municípios de Macaé e Casimiro de Abreu. Quatro pessoas diagnosticadas com sintomas de síndrome gripal foram encaminhadas para o Centro de Triagem, localizado no Centro de Saúde Extensão do Bosque.

FUNCIONAMENTO – A Prefeitura de Rio das Ostras determinou, por intermédio do Decreto N° 2507/2020, publicado na edição 1157 do Jornal Oficial, do dia 08 de abril, Barreiras Sanitárias para conter o avanço do coronavírus (COVID-19) na Cidade.

As Barreiras Sanitárias funcionam todos os dias, das 7h às 17h. Cerca de 80 profissionais das secretarias municipais de Saúde, Segurança Pública e Transportes estão trabalhando para controlar o fluxo de pessoas que chegam a Rio das Ostras.

Comentários