Por roberta.campos
Publicado 03/04/2016 15:19 | Atualizado 03/04/2016 16:44

Rio - Um idoso de 83 anos desapareceu na manhã deste sábado em Niterói, na Região Metropolitana do Rio. De acordo com informações divulgadas pela filha, Paola Castro, João Bosco saiu de casa, no bairro de São Francisco, de carro por volta das 10h30 da manhã para ir a um supermercado e não retornou.

Paola foi a um supermercado, no Largo da Batalha, em Pendotiba, onde o pai foi reconhecido pela operadora de caixa e recebeu informações de que João Bosco tentou passar o cartão de débito no estabelecimento e não conseguiu. A família procurou pelo idoso em hospitais, no Corpo de Bombeiros e já fez boletim de ocorrência na polícia, sem êxito.

João Bosco, de 83 anos, está desaparecido desde a manhã deste sábadoReprodução Internet

A mulher afirma que esta é a primeira vez que o pai desaparece e que mesmo com a idade avançada, nunca apresentou problemas cognitivos. "Papai é muito sensato. Apesar de já não ter mais a memória de antes. Ultimamente ele andava esquecendo ou trocando os nomes das filhas, chamando minha irmã de Ana, que é minha que já faleceu, mas ele estava bem de saúde, tanto corporal quanto mental", explicou ao DIA.

Paola também contou que a família tem o hábito de sempre avisar quando há alguma mudança de planos, por isso o desespero em encontrá-lo, já que se trata de uma postura incomum. "Elé é metódico. Nossos pais criaram eu e minhas irmães com a política de sempre ligar caso houvesse alguma mudança de plano, ou de caminho. Ele exigia isso. Papai sempre avisava qualquer coisa. Estamos desesperados, ele nunca fez isso", disse emocionada.

 

Queridos amigos e família, papai saiu cedo de casa, com o carro, e até agora não apareceu. Ele saiu de sua casa, em Sao...

Publicado por Leticia Castro Neves em Sábado, 2 de abril de 2016

Segundo post divulgado pela outra filha de João Bosco, Leticia Castro Neves, em seu perfil no Facebook, o idoso estava com um Fiat Siena na cor preta, de placa KWX5578. Quem tiver notícias sobre João Bosco pode entrar em contato com a família pelos telefones (21) 99479-1995/ 97128-2224/ 99186-9856.

Reportagem de Roberta Campos
Você pode gostar