Light encontra 981 irregularidades em ação contra furto de energia na Zona Oeste

Segundo a empresa, 40% da energia de baixa tensão distribuída é furtada

Por O Dia

Rio - Uma operação da Light contra furtos de energia encontrou 981 irregularidades em Campo Grande, Zona Oeste do Rio, na tarde desta sexta-feira. No total, 1.536 locais foram inspecionados.  De acordo com a Light, 40% da carga de energia distribuída para a rede de baixa tensão é furtada - o equivalente ao consumo do estado do Espírito Santo.

Além das inspeções, a Light também disponibilizou uma agência móvel na Praça Rosário Trotta, prestando serviços como solicitações de ligação, segunda via de conta, análise de contas, vistoria técnicas e parcelamentos aos moradores do bairro. 

A operação encontrou 981 irregularidadesDivulgação

Segundo o Superintendente de Recuperação de Energia da Light, Rainilton de Andrade, existe furto de energia em todas as áreas do Rio: "Conseguimos mapear os locais e estabelecimentos com suspeita de fraude e direcionamos as equipes para inspeção". A empresa informou que faz operações para evitar ligações clandestinas diariamente.

Em nota, a Light afirmou que o furto de energia "sobrecarrega a rede elétrica e provoca interrupção do fornecimento". A empresa pede que os clientes denunciem os "gatos" de energia através do site www.light.com.br, pelas redes sociais ou pelo Disque-Light (0800 021 0196). 

Últimas de Rio De Janeiro