Por

A ideia da seleção de anões nasceu em 2015, com José Carlos Rosário, do Instituto de Integração e Desenvolvimento Estudantil Profissional (IIDEP), Ong de esporte inclusivo. "O apoio da escritora Silvia Muñoz, mãe de Facundo Rojas, portador de nanismo e fundador da seleção de anões argentinos, foi fundamental", lembra Rosário.

Você pode gostar
Comentários