Mais Lidas

PM é morto a tiros em Duque de Caxias

Segundo informações preliminares, o policial Luiz Gorni Tavares, lotado no 23º BPM (Leblon), foi baleado após discutir com um criminoso dentro de uma padaria, em Gramacho

Por O Dia

O soldado Gorni foi morto a tiros depois de comprar o lanche
O soldado Gorni foi morto a tiros depois de comprar o lanche -

Rio - Um PM foi morto a tiros em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, na madrugada desta quinta-feira. Segundo testemunhas, o policial Luiz Gorni Tavares, lotado no 23º BPM (Leblon), parou em uma padaria na Avenida Rio Branco, no bairro de Gramacho antes de assumir o serviço no batalhão. Após comprar o lanche, teria discutido com um dos clientes e se identificado como policial militar. Ao perceber que se tratava de um agente, o criminoso teria sacado uma pistola e efetuado disparos contra o soldado, que reagiu.

De acordo com a PM, o policial foi socorrido ao Hospital Moacyr do Carmo, também em Duque de Caxias, mas não resistiu aos ferimentos. O soldado Gorni estava na Corporação há seis anos, era casado e deixa dois filhos e uma enteada. Ainda não há informações sobre o sepultamento.

 

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia