Por O Dia

Rio - A Guarda Municipal do Rio começa a fiscalizar, nesta segunda-feira, 33 das 133 estações do BRT para reduzir o número de calotes nas passagens. Quem for flagrado entrando nas estações sem pagar a tarifa, pode ser multado em R$ 170. Em caso de reincidência, a penalização sobe para R$ 255.

Nas primeiras semanas, a fase de implantação do programa contará com 40 guardas diariamente, atuando na orientação dos passageiros nas estações com maior evasão dos corredores: Alvorada, Campinho, Madureira, Magalhães Bastos, Marechal Fontenelle, Penha, Recreio e Santa Cruz.

Você pode gostar
Comentários