Polícia faz operações no Norte Fluminense

s

Por

A fisiculturista Yara Wellness seria gerente do tráfico em Itaperuna -

A Polícia Civil fez ontem operações contra o tráfico de drogas e de armas em duas cidades do Norte Fluminense. Em Macaé, a ação foi para combater organização criminosa que atuaria na comunidade das Malvinas, a maior do município, e que também teria ramificação no Espírito Santo. Em Itaperuna foram cumpridos 41 mandados de prisão e um dos alvos foi a fisiculturista Yara Silva Wellness, presa em um condomínio no Cachambi, na Zona Norte do Rio. Ela seria a gerente do grupo criminoso.

Segundo a Polícia Civil, a Operação Falkland, em Macaé, foi para prender integrantes de um grupo do Espírito Santo que forneceria armas e drogas para a quadrilha da comunidade das Malvinas. Conforme as investigações, o armamento chegava do Paraguai. Foram presas cinco pessoas.

Em Itaperuna, a Polícia Civil desbaratou quadrilha que dominaria diversos pontos de venda de drogas de Itaperuna e ainda manteria vários contatos na cidade do Rio. No total, 26 pessoas foram presas. Entre elas, Yara Silva Wellness, que usaria o dinheiro do tráfico de drogas para financiar a categoria que disputa no fisiculturismo.

 

Comentários

Últimas de Rio de Janeiro