PF cumpre mandado contra jovem por incitar morte de Bolsonaro

Mandado de busca e apreensão foi expedido pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro. De acordo com a PF, o investigado teria ainda proferido xingamentos ao vice-presidente eleito, general Hamilton Mourão

Por O Dia

Agentes da Polícia Federal chegaram cedo na casa do rapaz
Agentes da Polícia Federal chegaram cedo na casa do rapaz -

Rio - A Polícia Federal (PF) cumpriu na manhã desta quinta-feira um mandado de busca e apreensão contra um jovem de 23 anos que teria incitado a morte do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). A ação da PF foi no bairro do Maracanã, na Zona Norte do Rio de Janeiro.

Agentes da Polícia Federal saíram com um malote do endereço alvo do mandado.

De acordo com a PF, o objetivo da ação é identificar se há outras pessoas envolvidas com o autor de postagens que "incitaram a subversão da ordem política fomentando a morte" de Bolsonaro, quando ele ainda era candidato.

O mandado de busca e apreensão foi expedido pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, que informou que não pode atender à reportagem 'pois o processo tramita em sigilo absoluto'.

De acordo com a PF, o investigado teria ainda proferido xingamentos ao vice-presidente eleito, general Hamilton Mourão (PRTB). O conteúdo da publicação não foi divulgado.

*Com Estadão Conteúdo

Galeria de Fotos

Agentes da Polícia Federal chegaram cedo na casa do rapaz Reprodução/ TV Globo
Motoristas poderão pagar multas no cartão ou parceladas Agência O Dia

Últimas de Rio de Janeiro