Jovem morre e mulher passa por cirurgia após serem baleados em Nova Iguaçu

Os dois foram encaminhados ao Hospital Geral de Nova Iguaçu; Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense foi acionada

Por O Dia

Rio - A Polícia Civil investiga as circunstâncias de um crime contra um casal de jovens em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na madrugada deste domingo. Jonas dos Santos Almeida, 22 anos e Adriele de Oliveira, 19, teriam sido baleados por um homem ainda não identificado no bairro Ponto Chic, por volta de 0h15. Eles foram encaminhados para o Hospital Geral de Nova Iguaçu e Jonas não resistiu aos ferimentos. Adriele foi baleada nos dedos de uma mão, no pé e na cervical, passou por cirurgia e seu estado de saúde é considerado estável.

Segundo informações do 20º BPM (Mesquita), equipes da unidade foram acionadas para verificar a entrada das vítimas no hospital.

A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) foi acionada e assumiu as investigações do caso.

Nas redes sociais, há postagens que afirmam que Jonas e Adriele foram baleados em uma confusão em uma festa promovida pelo jogador de futebol Sassá em um sítio, neste sábado. Procurado pelo DIA, Sassá negou a informação.

"No meu evento não foi. A festa aconteceu de meio-dia às cinco da tarde. Não houve nenhuma confusão no local, nem na rua", disse o jogador.

Últimas de Rio de Janeiro