PM foi baleado durante operação no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo. Projétil parou no colete do policial - WhatsApp O DIA (98762-8248)
PM foi baleado durante operação no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo. Projétil parou no colete do policialWhatsApp O DIA (98762-8248)
Por O Dia

Rio - Um soldado da Polícia Militar foi baleado nas costas durante um confronto com criminosos durante uma operação no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, na manhã desta segunda-feira. O PM estava de colete e o projétil, que seria de fuzil, parou na proteção. Ele foi levado para o Hospital Alberto Torres, no bairro Colubandê. Segundo a corporação e o hospital, o militar passa bem e realiza exames. 

Ação do 7º BPM (São Gonçalo), com o apoio do 12º BPM (Niterói), visa combater o crime o complexo de favelas e prender o chefe do tráfico, Thomaz Jhayson Vieira Gomes, conhecido como 2N. Não houve presos ou apreensões durante a operação.

Mesmo procurado, 2N fez festão de casamento

Procurado pela polícia e com uma recompensa por sua captura, Thomaz Jhayson Vieira Gomes, conhecido como 2N, casou em janeiro com um festão realizado no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, onde chefia o tráfico de drogas.

As imagens do casamento foram compartilhadas nas redes sociais e mostram a cerimônia, 2N no altar com a noiva e convidados posando com o criminoso e também com o casal. Operações das forças de segurança tentaram em outubro do ano passado prender o chefe do Salgueiro, mas ele conseguiu escapar. 

No mesmo mês, o Disque Denúncia aumentou de R$ 10 mil para R$ 20 mil a recompensa por informações que levem à captura de 2N. O anonimato é garantido. 

 

Você pode gostar
Comentários