Mais Lidas

Justiça decreta prisão preventiva de suspeito de tentativa de estupro em bar do Leblon

Frequentadores do bar detiveram o homem quando ele saía do banheiro após tentar estuprar uma das vítimas

Por O Dia

As tentativas de estupro ocorreram dentro do Boteco Belmonte
As tentativas de estupro ocorreram dentro do Boteco Belmonte -

Rio - O empresário Ricardo Elias Mota de Oliveira, acusado de importunação sexual e tentativa de estupro em um bar no Leblon, na Zona Sul do Rio, teve a prisão em flagrante convertida em preventiva na audiência de custódia, realizada nesta terça-feira, na Central de Benfica. 

Uma das vítimas contou, em depoimento, que lavava as mãos na pia próxima ao banheiro quando foi agarrada pelo empresário, que tentou beijá-la. Ela conseguiu se desvencilhar.

Já a outra vítima disse que foi surpreendida pelo empresário dentro do banheiro. De acordo com o depoimento da mulher, ele teria chegado a abaixar a bermuda e a sunga para violentá-la. No entanto, ela conseguiu pedir socorro. 

Frequentadores do bar detiveram Elias quando ele saía do banheiro vestindo a bermuda. Na decisão, a juíza Amanda Azevedo Ribeiro Alves, ressaltou que “tratam-se de crimes de enorme complexidade e grande reprovabilidade considerando o atual momento em que vivemos de extrema violência contra a mulher. O Poder Judiciário deve reagir para paralisar o crescente número de crimes contra as mulheres, aplicando a lei de forma enérgica”.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários