Armas, munições, taco de beisebol, entre outros objetos, foram apreendidos pela Polícia Civil e Corregedoria dos Bombeiros na Operação Irmandade - Divulgação
Armas, munições, taco de beisebol, entre outros objetos, foram apreendidos pela Polícia Civil e Corregedoria dos Bombeiros na Operação IrmandadeDivulgação
Por O Dia

Rio - Sete pessoas suspeitas de integrar uma milícia, entre elas dois bombeiros, foram presos nesta quarta-feira, durante a Operação Irmandade, deflagrada pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) com o apoio da Corregedoria do Corpo de Bombeiros. O objetivo da ação é cumprir dez mandados de prisão e 13 de busca e apreensão contra quadrilha especializada em extorsão a motoristas de transporte alternativo que atuam na Zona Oeste do Rio e em algumas cidades da Baixada Fluminense.

De acordo com o delegado titular da DRF, Alexandre Herdy, os motoristas que trabalhavam nos pontos explorados pela milícia eram obrigados a pagar, semanalmente, taxa que variava entre R$ 320 e R$ 780. Caso não pagassem, eles ficavam proibidos de circular, tinham os veículos roubados pelos criminosos e chegavam a ser obrigados a doar cestas básicas.

As investigações começaram há cerca de um ano na Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), da qual o delegado Alexandre Herdy era titular.

Entre os presos está o bombeiro Rogério Frazão Ribeiro, que passou a ser investigado quando ajudou na fuga de Lenilson Barros Soares, integrante da quadrilha, durante uma operação da Polícia Civil, em 2018. Os agentes realizaram buscas na casa do bombeiro, que foi indiciado por organização criminosa. O outro bombeiro preso foi identificado como Maurício Nascimento Cavalcante.

Um dos chefes da milícia, Renato Alves de Santana, conhecido como "Fofo" ou "2F", foi preso em Paciência, na Zona Oeste carioca, numa localidade conhecida como 7 de Abril. "Fofo" atuava principalmente na comunidade Campinho, em Campo Grande. Uma pessoa chegou a ser detida para averiguação, mas foi liberada.

Os agentes apreenderam armas, munições, um taco de beisebol, radiotransmissores, celulares,anotações relacionadas às atividades do grupo e um veículo.

Você pode gostar
Comentários