Polícia identifica acusado de tentar matar motorista do presidente da Alerj

Clayton Oliveira do Nascimento, conhecido como Bigode, 24 anos, é apontado como o autor do crime. Ele se encontra foragido e contra ele constam dois mandados de prisão

Por O Dia

Carro do motorista do presidente da Alerj, com a marca do disparo, que atravessou porta-malas e o feriu
Carro do motorista do presidente da Alerj, com a marca do disparo, que atravessou porta-malas e o feriu -

Rio - Policiais civis da 22ª DP (Penha) identificaram o homem que atirou e feriu o motorista do presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), deputado estadual André Ceciliano, em mês passado, no bairro de Brás de Pina, Zona Norte do Rio. Clayton Oliveira do Nascimento, conhecido como Bigode, 24 anos, é apontado como o autor do crime, durante uma tentativa de assalto. Ele se encontra foragido e contra ele constam dois mandados de prisão.

A vítima, que mora na Penha e estava acompanhado da mulher, foi atingida por um tiro nas costas ao acessar de carro por engano a Favela Cinco Bocas, na região, ao tentar cortar caminho para desviar do tráfego intenso da Avenida Brasil. As investigações conseguiram identificar o autor dos disparos e esclarecer que se tratou de um crime de tentativa de latrocínio.

A investigação contou com diligências no local, depoimento de vítimas e de testemunhas, autos de reconhecimento, e com troca de informações de inteligência com a delegacia de Duque de Caxias (59ª DP). Ao longo da semana, equipes da Polícia Civil realizaram buscas no endereços do criminoso, mas ele não foi localizado. Qualquer informação sobre o paradeiro do criminoso pode ser repassada de maneira anônima para a Polícia Civil pelo número 197 ou para o Disque Denúncia 2253-1177.

Comentários