Cão baleado na Vila Aliança é socorrido no Centro de Proteção Animal

Animal teve pata traseira amputada

Por MARIA INEZ MAGALHÃES

Cãozinho baleado foi socorrido na Fazenda Modelo
Cãozinho baleado foi socorrido na Fazenda Modelo -

Rio - O cão Guilherme foi baleado durante uma operação policial, nesta quarta-feira, na Vila Aliança, em Bangu, Zona Oeste do Rio. Segundo relatos, policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) foram os autores dos disparo. Ação na comunidade teve mais de seis horas de confronto com intenso tiroteio entre PMs e bandidos.

Moradores levaram Guilherme para o atendimento clínico no CPA/Fazenda Modelo, pois não tinham recursos para levá-lo a uma clínica particular. A equipe médica veterinária rapidamente se mobilizou para prestar o atendimento ao cão, que teve a pata traseira amputada.

Segue relato do William, que socorreu o animal, 'ele está se recuperando'. "Queria parabenizar a equipe da Fazenda Modelo, pelo lindo trabalho que fizeram com o Guilherme, ele chegou quase sem vida aqui e a equipe conseguiu reanimá-lo. Fiquei emocionado com a dedicação desses profissionais, por tratarem a gente com respeito e por tentarem fazer de tudo pra salvar o Guilherme, todos se mobilizaram compraram até bolsa de sangue para o Guilherme. Ele já fez a cirurgia, que foi tudo bem, já fez a transfusão, agora vamos rezar pra que ele se recupere logo", disse.

O Centro de Proteção Animal/Fazenda Modelo faz em média 40 atendimentos clínicos e 40 cirurgias diariamente.

Questionada, a PM informou em nota que "os militares que participaram da operação não visualizaram ou tomaram conhecimento de algum animal ferido durante o confronto. Caso isso tivesse acontecido, teriam prestado imediato socorro, podendo até mesmo ser utilizado o serviço veterinário da Corporação".

Comentários