'O Rio Não Para': campanha quer estimular a valorização da cidade

Objetivo da ação é resgatar o orgulho de ser carioca e mobilizar turistas

Por KARILAYN AREIAS

Objetivo da ação é resgatar o orgulho de ser carioca e mobilizar turistas a conhecer a cidade
Objetivo da ação é resgatar o orgulho de ser carioca e mobilizar turistas a conhecer a cidade -

Rio - Empresas privadas irão lançar, na próxima quinta-feira (04), a campanha "O Rio Não Para". De acordo com os organizadores, o objetivo da ação é "resgatar o orgulho de ser carioca e mobilizar turistas a conhecer a cidade".

Segundo o governador Wilson Witzel, o estado irá colaborar no investimento da imagem positiva do Rio. "Como foi lembrado aqui da Segurança Pública, a Polícia Militar esta fazendo a sua parte. Esse ano perdemos menos PMs do que se comparado ao ano passado. Estamos tirando de circulação gente que não presta", disse.

Já o empresário Roberto Medina destacou que a campanha é um movimento da sociedade civil, empresas e o estado para uma valorização da cidade. "Vamos olhar o Rio por outra atmosfera, olhar com mais otimismo. Vamos botar paixão, para fazer essa cidade funcionar", disse.

Campanha

Um estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV) mostrou que se o Rio de Janeiro ampliar em 20% o turismo interno, o impacto econômico para a cidade será de cerca de 6 bilhões, além de uma geração de 170 mil novos empregos. Como parâmetro, o Carnaval gera um impacto econômico de cerca de R$ 3,5 bilhões, enquanto o Réveillon traz um impacto de R$ 680 milhões e o Rock In rio, R$ 1,6 bilhão. 

De olho nesses números, a partir desta quinta, será lançado a campanha o "O Rio Não Para". Fazem parte da ação o lançamento do hotsite (www.orionaopara.com.br), o uso de mobiliários urbanos, a colocação de banners em shoppings e até supermercados, além da veiculação de uma propaganda em todo território nacional e mais 140 países.  

Além da publicidade, para dar mais força e atrair turistas, a rede hoteleira oferecerá descontos de até 20% no valor das diárias para os meses de abril e maio.  

"O Rio não tem plano B. Ou é turismo ou é turismo. Com a ação "Rio de Janeiro a Janeiro" que fizemos ano passado isso ficou evidente. Ao invés de ficar parado e falar mal das Olimpíadas, vamos aproveitar o legado que ela deixou", disse Roberto Medina em referência a ampliação da rede hoteleira, melhorias nas áreas de transporte e dos aeroportos. 

CONFIRA O CALENDÁRIO DE EVENTOS QUE PROMETE AGITAR O RIO DE JANEIRO EM 2019: 

Abril 

2 a 5 - 13º LAAD Defense e Security 

2 a 7 - Rio Internacional Squash Open 

Rio Boat Show

Taça Nações (Golfe)

19 a 21 - Dreamhack Rio 2019

 

Maio 

11 - UFC 237 

24 a 31 - Santander Delícias do Brasil 

27 a 30 - Conferência sobre Tecnologia de Equipamentos (COTEQ)

2ª Taça Cidade Maravilhosa (Golfe)

 

30 - Salão Moto Brasil 

 

Junho

1 e 2 - Salão Moto Brasil 

1 e 2 - Santander Delícias do Brasil 

12 a 14 - World Chamber Congress 

22 - Meia Maratona Olympikus 

23 - Maratona do Rio 

 

Julho 

7 - Final da Copa América 

25 a 28 - Game XP 

 

Agosto 

Rio Gastronomia 

 

Setembro 

Iron Man 70.3 Rio 

Mondial de la Bière

27 a 29 - Rock In Rio

 

Outubro 

3 a 6 - Rock In Rio 

29 a 31 - OTC Offshore Technology Conference 

3° Aberto do Campo Olímpico de Golfe 

 

Novembro 

Villamix

 

Dezembro 

Árvore do Rio 

O maior Revéillon do mundo 

 

 

 

 

Comentários