Três integrantes de quadrilha de 'saidinha de banco' são presos em flagrante

Criminosos foram presos quando tentavam praticar o crime em um banco da Barra da Tijuca

Por O Dia

O grupo atuando na segunda
O grupo atuando na segunda -

Rio - Policiais da 17ª DP (São Cristóvão) prenderam três homens que integram uma quadrilha especializada em "saidinha de banco". Marcelo Heleodoro Bourseau Nunes, Joel Reis do Rosário, conhecido como Parazinho, e Pedro Henrique Fonseca Cardoso foram localizados na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, quando tentavam praticar o crime. Contra eles havia um mandado de prisão em aberto por roubo. Joel também era procurado por roubo de cargas.

De acordo com a Polícia Civil, por volta das 15h de segunda, os agentes da 17ª DP foram avisados pela equipe de segurança de uma agência localizada na Avenida Olegário Maciel, na Barra, de que dois suspeitos estavam se preparando para praticar uma "saidinha de banco". Um deles foi reconhecido pelo segurança da agência.

Com isso, os policiais, que já investigavam a quadrilha, foram até o banco, quando perceberam que Joel fugiu do local em direção à Avenida Ministro Ivan Lins. Lá, ele foi preso e contou que Pedro e Marcelo estavam em um táxi.

Joel Rios - Divulgação / Polícia Civil

O veículo passou pelos agentes e foi abordado na Avenida General Guedes da Fontoura, Marcelo, que estava na direção do automóvel, e Pedro foram presos. Com eles foi encontrada uma pistola com numeração raspada e um carregador alongado com 12 munições.

Os policiais voltaram para a agência bancária com os três e lá a vítima do roubo identificou Pedro como tendo sido o responsável por tentar roubar R$ 3 mil seus. 

Joel, então, confessou a participação no crime, dizendo que sua função na quadrilha era fazer a identificação das vítimas nas agências e avisar aos comparsas.

Já Pedro era o que fazia o roubo das vítimas, as ameaçando com a pistola, e Marcelo fazia o transporte dos criminosos. Uma quarta pessoa, identificada como Lucas, que ajudava na fuga do trio, conseguiu escapar.

Pedro Henrique Fonseca Cardoso - Divulgação / Polícia Civil

Todos os três presos já têm passagens pelas polícia. Em 2019, Pedro foi preso por tráfico de drogas no bairro de Santa Tereza, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, e em 2017 foi reconhecido como autor de uma "saidinha de banco" em Copacabana; Joel foi preso por roubo a uma loja na Rua Buenos Aires, no Centro, em 2013, e em 2018 foi reconhecido como autor de dois roubos de carga no Catumbi; já Marcelo foi autuado por desacato na 20ª DP (Vila Isabel) em 2017.

Marcelo Heleodoro Bourseau Nunes - Divulgação / Polícia Civil

Galeria de Fotos

O grupo atuando na segunda Divulgação / Polícia Civil
Pedro Henrique Fonseca Cardoso Divulgação / Polícia Civil
Marcelo Heleodoro Bourseau Nunes Divulgação / Polícia Civil
Joel Rios Divulgação / Polícia Civil

Comentários