Campanhas ajudam vítimas de câncer e das enchentes no Rio

Iniciativas do Projeto Pérola e da Fiocruz, mobilizam internautas para doações de alimentos, roupas e arrecadação de recursos para exames caros

Por FRANCISCO EDSON ALVES

A ONG Pérolas une mulheres diagnosticadas com câncer de mama em busca da recuperação da auto-estima
A ONG Pérolas une mulheres diagnosticadas com câncer de mama em busca da recuperação da auto-estima -

Rio - Voltado para ajudar mulheres diagnosticadas com câncer de mama, usando a fotografia para recuperar a auto-estima delas,  o Projeto Perolas, uma iniciativa sem fins lucrativos, está recorrendo a uma rifa, cujo prêmio é a estadia de um final de semana na Pousada Dunas de Itaipu. O objetivo é conseguir recursos para integrantes do grupo que precisam se deslocar para as terapias de grupos e realizar exames, que chegam a custar mais de R$ 4 mil. 

"A rifa é vai ajudar algumas mulheres atendidas pela ONG Pérolas.  O valor é R$ 20,00. Além do prêmio principal, sortearemos também uma linda lingerie da marca Vivacci, a ser escolhida pelo(a) vencedor(a), na medida certa", diz Mel Masoni, idealizadora do projeto.

Para participar da rifa, basta clicar no link https://chat.whatsapp.com/Gtn1yOxYGCVJ9vsIms2cfg e entrar no grupo. As informações e fotos serão compartilhadas lá. Mel Masoni conta que o Projeto Pérolas nasceu da ideia de usar a fotografia para recuperar a auto-estima de mulheres diagnosticadas com câncer de mama. O Pérolas começou a funcionar em 2013 e, até hoje, atendeu mais de 70 mulheres. No apenas com ensaios fotográficos, mas também com terapias, respaldo emocional, reconstrução de aréola e coberturas de cicatrizes deixadas por cirurgias, assessoria jurídica e outros trabalhos realizados por parceiros e voluntários da causa. Mais informações sobre o projeto podem ser acessadas pelo site www.projetoperolas.org.br.

Rota do Bem fará almoço de Páscoa

Outro projeto, intitulado Rota do Bem, que fornece café da manhã para pessoas em situação de rua, todas as terças-feiras, às 7h, em alguns pontos de Niterói, na Região metropolitana, onde também desenvolve ações pontuais em orfanatos e asilos, está angariando donativos para um almoço de Páscoa para quem mora ao relento e crianças carentes. Quem quiser contribuir, basta acessar o perfil www.facebook.com/rotadobemrj  para saber mais detalhes. Além de caixas de bombons e alimentos não perecíveis, integrantes do grupo solicitam a participação voluntária de artistas mambembes. Há pontos de doações na Rua José Clemente, 16 (salão Viva Shopping da Beleza); na Rua São João, 95 (loja de artigos religiosos no Mercadão de Niterói), entre outros endereços disponíveis no Facebook. O grupo também precisa de um fogão industrial emprestado.

Fiocruz faz campanha para comunidades carentes

Já a Fiocruz está desenvolvendo a Campanha SOS Manguinhos e Brejinho (Cidade de Deus), em diálogo com o serviço de saúde, de assistência social, com organizações comunitárias e lideranças sociais desses territórios para recolhimento de donativos para famílias atingidas pelas enchentes de segunda-feira. A mobilização acontece por iniciativa do Sindicato dos Trabalhadores da Fiocruz (Asfoc-SN), da Cooperação Social da Presidência, das Unidades Fiocruz e do Centro de Saúde Escola Germano Sinval Farias (CSEGSF/Ensp).

Ao longo da próxima semana, o Instituto Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz), a sede de Farmanguinhos em Jacarepaguá, e o pavilhão de diversas unidades situadas no campus Manguinhos estarão recebendo doações. A prioridade será dada para alimentos não perecíveis, água mineral, produtos de higiene pessoal, materiais de limpeza, roupas de cama e banho, lona e colchões.

A triagem dos donativos será feita por voluntários e encaminhados para famílias de Manguinhos e Brejinho, na Cidade de Deus, identificadas pelo serviço de saúde e assistência social das duas localidades como estando em situação de maior vulnerabilidade. Famílias com crianças afetadas pelo zika vírus em um condomínio em Santa Cruz, atendidas pela Fundação Oswaldo Cruz, tiveram perdas significativas nas enchentes e também deverão ser atendidas. O número de famílias em Manguinhos, Brejinho e Santa Cruz ainda está sendo dimensionado.

 Postos de coletas

- Fiocruz (Campus Manguinhos)

- Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria (CSEGSF/Ensp)

- Asfoc-SN

- Escola Politécnica De Saúde Joaquim Venâncio (Grêmio Estudantil)

- Instituto Nacional De Infectologia Evandro Chagas (INI)

- BioManguinhos

- Casa de Oswaldo Cruz (Portaria do prédio do Centro de Documentação e História da Saúde)

- CTM/Farmanguinhos – Cidade de Deus

- Centro de Referência Professor Hélio Fraga/Ensp – Jacarepaguá

- Instituto Fernandes Figueira (IFF) – Flamengo

- Prédio da Expansão do Campus Manguinhos – Maré

Comentários