Polícia prende suspeito de roubo de gasolina que provocou vazamento e deixou feridos em Duque de Caxias

Entre as vítimas está uma menina de 9 anos, internada em estado grave

Por O Dia

Willian foi capturado pela DDSD
Willian foi capturado pela DDSD -

Rio - Agentes da Delegacia de Defesa de Serviços Delegados (DDSD) prenderam, na manhã desta quarta-feira, Willian Cesar Vieira, 21 anos, por participação na tentativa de furto de combustível no Parque Capivari, Duque de Caxias, que provocou vazamento e causou ferimentos em pelo menos três pessoas, entre elas uma menina de 9 anos, internada em estado grave.

O suspeito responderá por tentativa de homicídio qualificado, furto duplamente qualificado, constituição de milícia privada, crime contra a ordem econômica e crime contra o meio ambiente. 

De acordo com a especializada, as investigações apontam a participação da milícia no crime, que aconteceu no último sábado. Na ocasião, o combustível em alta temperatura jorrou a uma altura de 10 metros. Casas tiveram que ser evacuadas às pressas e houve danos ao meio ambiente.

Willian foi localizado em sua casa, no bairro de Xerém, após diligências que se iniciaram a partir de uma motocicleta, abandonada no local do crime. Segundo os investigadores da DDSD, o homem negou que estivesse no local do crime.

Entretanto, a Polícia Civil afirma que ele estava na região. Durante a explosão o homem fugiu do local deixando para trás uma motocicleta. O rastreamento do veículo levou à prisão do suspeito. O delegado Júlio Filho, titular da DDSD, informou que a investigação segue para identificar outros participantes do crime.

Ana Cristina Pacheco Luciano, 9 anos, sofreu queimaduras em 80% do corpo após cair em poça de combustível vazado de duto que sofreu tentativa de furto em Caxias - Arquivo Pessoal

Menina segue internada em estado grave

A pequena Ana Cristina Pacheco Luciano, de 9 anos, segue internada em estado grave no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, segundo a Secretaria de Saúde informou, na manhã desta segunda-feira. Ela teve 80% do corpo queimado após cair em uma poça de combustível vazado durante uma tentativa de furto em um duto da Transpetro em Duque de Caxias. 

O vazamento de combustível, provocado pelo furto em dutos de gasolina da Transpetro, provocou um forte cheiro e acordou moradores de pelo menos dois bairros. Ao menos cinco pessoas foram socorridas, três delas sendo levadas para o Hospital Adão Pereira Nunes, em Saracuruna. O local foi isolado pelo risco de explosão e quem mora no raio de um quilômetro impedido de acessar suas casas. Às 12h28, a empresa disse que o "risco de explosividade foi reduzido significativamente", mas região segue sendo monitorada.

 

 

Galeria de Fotos

Willian foi capturado pela DDSD Reprodução vídeo
Vazamento de combustível em Caxias aconteceu após tentativa de roubo Reprodução TV Globo
Ana Cristina Pacheco Luciano, 9 anos, sofreu queimaduras em 80% do corpo após cair em poça de combustível vazado de duto que sofreu tentativa de furto em Caxias Arquivo Pessoal

Comentários