Operação prende 27 pessoas acusada de tráfico de drogas no Norte Fluminense

Alvos fazem parte de uma quadrilha de drogas nos municípios de Porciúncula e Campos dos Goytacazes,

Por Agência Brasil

Operação acontece em Campos dos Goytacazes e em Porciúncula
Operação acontece em Campos dos Goytacazes e em Porciúncula -
Rio - Uma operação conjunta entre o Ministério Público do Rio (MPRJ) e vários órgãos policiais, na manhã quarta-feira, prendeu 27 pessoas ligadas ao tráfico de drogas nos municípios de Porciúncula e Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. A Operação Triunvirato, como foi batizada, pretendia cumprir 36 mandados de prisão e 26 de busca e apreensão. Dos presos, 15 já cumprem pena em presídios por outros crimes.
De acordo com as investigações, além da venda de drogas, o grupo é responsável por outros crimes, como homicídio, sequestro, extorsão e fornecimento de armas a outras quadrilhas. A organização criminosa, que controlava o comércio de entorpecentes em Goytacazes e em Nova Goytacazes, se expandiu para outros territórios.
As investigações começaram após a prisão em flagrante de Fernando Balbinot, conhecido FB, e Jonatas Nunes de Barros, o Cocão, em abril do ano passado. Na época, foram apreendidas armas, drogas, munições e um caderno de anotações do tráfico de drogas. Mesmo dentro do presídio Carlos Tinoco da Fonseca, FB continua atuando como chefe da quadrilha e principal liderança do grupo criminoso que atua na Baixada Campista.
Segundo o MPRJ, FB é acusado de formar uma equipe de gerentes e associados que passaram a atuar nas comunidades de Farol de São Tomé, Saturnino Braga, Mineiros, comunidade do Transmissor, Baixa Grande, além do município de Porciúncula.
Participam da operação as polícias Civil, Rodoviária Federal (PRF) e Militar (PM) e a Guarda Civil Municipal de Campos.

Comentários