Homem morre durante operação no Complexo da Maré

Jovem chegou sem vida no Hospital Geral de Bonsucesso

Por O Dia

Policiais do Batalhão de Choque (foto) fazem operação no Complexo da Maré
Policiais do Batalhão de Choque (foto) fazem operação no Complexo da Maré -
Rio - Um homem morreu durante uma operação do Comando de Operações Especiais (COE) no Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio, na tarde desta terça-feira. Identificado como Antônio Vithor da Silva Bandeira, de 21 anos, ele foi baleado na comunidade do Timbau, dentro do Complexo, e socorrido para o Hospital Geral de Bonsucesso. A unidade de saúde informou que ele já chegou sem vida ao hospital.

Segundo a Polícia Militar, militares do Batalhão de Choque foram recebidos a tiros na comunidade e houve confronto. Um criminoso foi ferido e socorrido. Foram apreendidos uma pistola, dois carregadores, um rádio transmissor e drogas. No entanto, no balanço da operação divulgado ainda na noite de terça-feira, a Polícia Militar não havia informado sobre vítimas.
De acordo com a Polícia Civil, a Delegacia de Homicídios da Capital (DH-CAPITAL), instaurou um inquérito para apurar as circunstâncias da morte de Antonio Vithor Silva Bandeira, de 21 anos, que deu entrada no Hospital Federal de Bonsucesso. Testemunhas estão sendo ouvidas e diligências estão sendo realizadas.
PM estoura laboratório do tráfico no Complexo da Maré
Policiais do Batalhão de Ações com Cães (BAC), com o auxílio dos animais farejadores, estouraram um laboratório do tráfico localizado em uma casa no Complexo da Maré. Um policial foi baleado em uma das mãos durante confronto. O subtenente foi socorrido para o Hospital Federal de Bonsucesso. Ele foi atendido, medicado, feito curativo e liberado.

No local, tonéis, prensas, produtos químicos para manipulação de drogas, farto material entorpecente e duas armas de fogo foram apreendidos. Foram apreendidos ao menos quatro pistolas, um fuzil, carregadores, rádios transmissores e drogas.
Moradores denunciam violação nas casas
Nas redes sociais, moradores relataram que tiveram suas casas invadidas por policiais e cães para revistas sem autorização. Procurada, a Polícia Militar disse que não houve o registro de denúncias na PM sobre a ação dos policiais na operação. 
Confira o balanço da operação divulgado nesta terça-feira
- 2 Revólveres Taurus cal. 38 numeração suprimida com total de 04 ( quatro ) Cartuchos intactos.
- 1 Pistola Glock cal. 380 num. suprimida com 1 ( um ) carregador e 12 ( doze ) cartuchos intactos.
- 1 Pistola Taurus 938 cal 380 num. KCX 66676 com 1 ( um ) carregador e 6 ( seis ) cartuchos intactos.
- 1 réplica de fuzil 556 Air Soft com 2 ( dois carregadores )
- 1 Pistola
- 1 Embalador a vácuo
- 3 Prensas
- 1 Misturador
- 1 Noteiro
- 1 Cofre
- 5 Sacos contendo pó branco, 6 invólucros contendo pó branco, um saco contendo produto químico em pó (amarelo), 2 sacos de maconha, 3 sacos de pó branco, 6 tonéis de loló, 3 bolas de cocaína, quatro sacos de maconha, um rádio comunicador, pequena carga de drogas a ser contabilizada.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários