PSL lança Rodrigo Amorim pré-candidato à Prefeitura do Rio

Em reunião nesta sexta-feiracom o senador Flavio Bolsonaro, ficou definido que o deputado estadual Rodrigo Amorim (PSL-RJ) concorrerá à Prefeitura do Rio de Janeiro, a deputada estadual Alana Passos (PSL-RJ) disputará o cargo em Queimados e Doutor Serginho, em Cabo Frio

Por Beatriz Perez

Rodrigo Amorim e Flavio Bolsonaro: os dois concorreram na mesma chapa às eleições municipais de 2016
Rodrigo Amorim e Flavio Bolsonaro: os dois concorreram na mesma chapa às eleições municipais de 2016 -
Rio - O PSL definiu nesta sexta-feira três pré-candidatos às eleições municipais de 2020 no Estado do Rio. Em reunião com o senador Flavio Bolsonaro, ficou definido que o deputado estadual Rodrigo Amorim (PSL-RJ) concorrerá à Prefeitura do Rio de Janeiro, a deputada estadual Alana Passos (PSL-RJ) disputará o cargo em Queimados e o deputado estadual Doutor Serginho concorrerá pela legenda em Cabo Frio. A informação foi confirmada pelo deputado Rodrigo Amorim.  
"Ficou definido que o PSL precisa continuar o movimento que teve seu ápice em 2018 aqui no Rio com a eleição do presidente Bolsonaro, do governador Wilson Witzel e dos senadores Flavio Bolsonaro e Arolde de Oliveira. A gente precisa continuar esse projeto", declara.

Amorim define sua pré-candidatura como suprapartidária. Ele diz que o projeto será articulado com o governador Wilson Witzel (PSC), a quem chama de aliado e amigo especial e com os senadores Flavio Bolsonaro, de quem foi vice nas eleições municipais de 2016, e Arolde de Oliveira (PSD-RJ). 
"Minha pré-candidatura é indissociável do governador Wilson Witzel. Ele é peça fundamental. Os dois grandes líderes desse processo serão Wilson Witzel e Flavio Bolsonaro", diz.
Sobre a promessa do PSDB de lançar candidatura própria em 2019, Amorim diz que não pretende negociar com os tucanos para compor uma mesma chapa. "Eu percebo um desejo do PSDB do Rio de caminhar com o governador de São Paulo, João Doria, nas eleições de 2022. A nossa candidatura é do movimento do Bolsonarismo", diz. 
Rodrigo Amorim foi o deputado estadual mais votado no Rio nas eleições de 2018. Ele ficou conhecido por participar de um ato de campanha, ao lado de Witzel, no qual quebrou uma placa em homenagem à vereadora assassinada Marielle Franco.

Comentários