Miliciano é preso na Zona Oeste do Rio

O criminoso fazia parte de um grupo de milicianos que atuava nas comunidades Beira-Rio e Novo Rio

Por O Dia

Suspeito de integrar milícia foi preso por agentes da 41ª DP (Tanque)
Suspeito de integrar milícia foi preso por agentes da 41ª DP (Tanque) -
Rio - Policiais da 41ª DP (Tanque) prenderam, na tarde desta quinta-feira, no Recreio dos Bandeirantes, Nicássio Bezerra Rego, suspeito de integrar um grupo miliciano. Nicássio passou a ser investigado após o homicídio do presidente de associação de moradores da Favela Novo Rio, no mesmo bairro. Contra ele havia mandado de prisão por lesão corporal, roubo, extorsão, associação criminosa, porte de arma e tortura, todos praticados com a ajuda de um grupo paramilitar. 
De acordo com as investigações da polícia, o criminoso fazia parte de um grupo de milicianos que atuava nas comunidades Beira-Rio e Novo Rio, no Recreio. O grupo, que era liderado por outro homem que não teve a identidade revelada, recebia suporte de milicianos do Rio das Pedras cobrando taxas mensais de comerciantes, mototaxistas e a exploração de TV a cabo clandestina. 

Comentários