Comissão de Transporte da Alerj disponibiliza telefone para denúncias de passageiros

Há informações de que circulam pelo menos 95 táxis piratas na área de desembarque da rodoviária Novo Rio, principalmente nos finais de semana e feriados

Por O Dia

Comissão de Transporte da Alerj recebe denúncias de irregularidades cometidas por motoristas de aplicativo e taxistas
Comissão de Transporte da Alerj recebe denúncias de irregularidades cometidas por motoristas de aplicativo e taxistas -
As inúmeras denúncias sobre irregularidades cometidas por taxistas e motoristas de aplicativos, que disputam passageiros com as cooperativas cadastradas na Rodoviária Novo Rio, na Zona Portuária do Rio, levou a Comissão de Transportes da Alerj a disponibilizar um canal direto para essas reclamações. É o 2588-1200, que atende das 10h às 16h, de segunda à sexta-feira. Não é preciso se identificar. 
Presidente da comissão, deputado Dionísio Lins (PP) informou que recebeu denúncias de que circulam pelo menos 95 táxis piratas na área de desembarque da rodoviária apenas nesse primeiro semestre, principalmente nos finais de semanas e feriados.
O parlamentar solicitou à direção da Novo Rio a relação de todas as cooperativas cadastradas que atuam no local, o número de veículos registrados em cada uma delas e a cópia do valor do contrato. A assessoria de imprensa da Novo Rio disse que ainda não foi informada oficialmente do pedido, mas adiantou que vai atendê-lo quando solicitado. 
"Vou fazer uma solicitação diretamente ao governador Witzel (Wilson Witzel), pois tenho certeza de que ele não compactua com o que vem acontecendo com os taxistas legalizados, que pagam seus impostos e passam por constrangimento e até ameaças de morte por parte de verdadeiros marginais que que se passam por taxistas", disse Lins
O deputado afirmou que pedirá também à Secretaria da Polícia Militar que faça operação no local para reprimir a ilegalidade. "Acredito que não seja tão difícil a identificação desses veículos, já que rodoviária possui câmeras de monitoramento dentro e no seu entorno", disse o parlamentar.

Comentários