Operação na Maré termina com dois mortos e oito presos

Moradores usaram as redes sociais e uma página de informações da comunidade para relatam um intenso tiroteio na favela, assim como de pessoas baleadas

Por O Dia

Policiais do Batalhão de Choque (foto) realizaram operação no Complexo da Maré
Policiais do Batalhão de Choque (foto) realizaram operação no Complexo da Maré -
Rio - Policiais do Batalhão de Choque (BPChq) realizaram, na manhã desta quarta-feira, uma operação no Parque União e Nova Holanda, no Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio. Na ação, dois criminosos suspeitos morreram e outros oito foram presos. Moradores usaram as redes sociais e uma página de informações da comunidade para relatam um intenso tiroteio na favela, assim como de pessoas baleadas. 
Durante as ações, criminosos armados atiraram contra os policiais e houve confronto. Dois homens foram atingidos e socorridos ao Hospital Federal de Bonsucesso, mas não resistiram. Com eles foram apreendidas duas pistolas calibre 9mm, um rádio comunicador e uma sacola com drogas. Posteriormente, as equipes prenderam outros oito criminosos.

Galeria de Fotos

Policiais do Batalhão de Choque (foto) realizaram operação no Complexo da Maré Divulgação
Policiais do Batalhão de Choque (foto) realizaram operação no Complexo da Maré Divulgação
Policiais do Batalhão de Choque (foto) realizaram operação no Complexo da Maré Divulgação
Policiais do Batalhão de Choque (foto) realizaram operação no Complexo da Maré Divulgação
Na ação foram apreendidos uma escopeta calibre, quatro pistolas, cinco rádios transmissores, duas bases de rádios transmissores, um colete balístico, 
259 tabletes de maconha, três sacos de maconha, 2.210 tiras de maconha, 41 trouxinhas de maconha, 1.974 pinos de cocaína, 1,040 Kg de cocaína embalada, 618 papelotes de cocaína, três bolas de cocaína com cerca de 500gr cada, dois sacos com pó branco (aproximadamente 2 kg cada), 120 pedras de crack, 159 trouxinhas de skank, 136 frascos de cheirinho da loló, um carregador de fuzil AK-47, 26 munições calibre 7,62, quatro balanças de precisão, quatro grampeadores e uma motocicleta roubada.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários