Conheça as concorrentes que duelam pelo título de 'Drag da Cidade: Rainha do Rival'

Inspirado no formato dos reality shows 'The Voice' e 'XFactor', o DragStar é um show de talentos que busca encontrar a performista mais completa

Por O Dia

Rio, 25/11/2019, Concurso Drag Star, Foto de Gilvan de Souza / Agencia O Dia
Rio, 25/11/2019, Concurso Drag Star, Foto de Gilvan de Souza / Agencia O Dia -

Rio - O DragStar, concurso mais purpurinado para drags de todos os estilos, chega à final da sua 3ª temporada. Trabalhadas no brilho e no carão, cinco finalistas concorrem para receber o título de 'Drag da Cidade: Rainha do Rival'. Apresentado pelas também transformistas Miami Pink e Ravena Creole, a final do concurso será no próximo dia 11, às 19h30, no Teatro Rival Petrobras, no Centro do Rio.

Inspirado no formato dos reality shows 'The Voice' e 'XFactor', o DragStar é um show de talentos que busca encontrar a performista mais completa. Segundo a produtora e apresentadora, Miami Pink, para ganhar a batalha, a vencedora precisa ser carismática, criativa, ter coragem e força de vontade. "Ser drag é uma arte. E o Rival é um espaço de resistência, cultura e arte. Foi palco de grandes divas", explicou Miami.

O duelo começou em julho com 32 candidatas. Para Miami Pink, o concurso permite abrir portas para o mercado de trabalho no segmento. "A área de trabalho no Rio, em boates, casas noturnas, clubes e saunas, ainda é escassa. Muitas vezes, a renumeração também não é suficiente para o tamanho do investimento. Os figurinos são caros. Não é fácil encontrar um salto alto 15 para um número 44", revelou.

Quem vencer o concurso, além do título, vai levar para casa R$ 700, maquiagens, clareamento dental, curso de automaquiagem, caixa de espumante e roupas.

Ivana Conda

Ivana Conda ganhou vida, em maio deste ano, pelas mãos do ator Renato Ribone, de 25 anos. Apaixonado por música brasileira e teatro musical, Renato está vivendo sua primeira experiência em competição de drags. Tendo a mãe como a sua maior apoiadora, ele resolveu entrar para o concurso depois de ver a sua carreira como ator não decolar: "Eu estava sendo ignorado nos testes, quando vi essa oportunidade".

Na pele de Ivana Conda, o ator chegou a ficar na repescagem do DragStar durante as eliminatórias. Com figurino muitas vezes pescado pelas ruas do comércio da Saara, ele promete uma final empolgante com a apresentação de dez músicas. "Meu sonho é me sustentar com a minha arte".
Velma Real

Velma Real, personificada pelo coordenador de teatro Caio Godard, de 25 anos, nasceu de musicais interpretados por seu criador, que tem licenciatura em Artes Cênicas. Como transformista, Caio gosta de investir nos figurinos, um deles, o da atriz Marilyn Monroe. "Minha mãe me ajuda na criação dos figurinos. Família é o que mais importa para mim", contou Caio.

Até nos palcos, Caio conta com o apoio da família. Em uma das suas apresentações, ele teve a presença do pai vestido de Sultão no elenco. Nas eliminatórias do DragStar, Velma Real interpretou Olga Benário. Para a grande final, Caio espera surpreender a plateia contando a história de vida dos seus avós. "O público pode esperar por identificação e reflexão".
Organzza

Organzza é o personagem do ator e figurinista Vinícius Andrade, de 27 anos. Ela nasceu há um ano e seis meses, quando Vinícius participou de um concurso de drags iniciantes, onde saiu vitorioso. Hoje, ele trabalha fazendo figurinos para outras colegas de performance.

Em suas apresentações no DragStar, Vinícius mostrou ao público muito da sua memória da infância, como o desenho animado da Disney 'Mulan'. Para a sua apresentação final, que deve durar entre 10 e 12 minutos, Vinícius quer tratar sobre a representatividade. "Quero falar para as pessoas sobre como é ser pobre, negro e homossexual na sociedade". Criador e costureiro dos seus próprios figurinos, pela primeira vez ele terá a presença da família na plateia.
Shandra

Shandra é vivida pelo designer gráfico Otávio Luna, de 31 anos. A personagem nasceu há um ano, mas o mundo drag já havia sido tema de monografia de Otávio quando ele estava na faculdade. Em um outro concurso, Shandra ficou em sexto lugar, segundo Otávio, com muito orgulho. Nas apresentações do DragStar, Shandra levou ao público apresentações bem versáteis, como números de ópera, música latina e até uma tourada.

Acima do peso, Shandra diz que nem tudo é purpurina. "Às vezes, durante as apresentações, escuto comentários cruéis sobre o meu corpo", lamentou. Sem entregar detalhes da sua apresentação na final, Shandra promete um número "impactante".
Rani Bong

Rani Bong é interpretada pela jornalista Carina Caldas, de 23 anos. Em 2017, em busca de matérias para escrever sobre o Dia do Orgulho LGBT, Carina entrevistou três drags mulheres. Foram suas inspirações para criar a Rani Bong. Segundo ela, o meio LGBTQ ainda oferece barreiras para mulheres cis ou trans que convivem nos mesmos ambientes.

"Sonho em transformar meu trabalho como drag em carreira principal". Carina gosta de investir em cenários. Ela já criou até um castelo com canos de PVC. No DragStar, apostou em números com músicas da neo MPB. Mas também já encenou famosos, como a cantora Elza Soares. Para a final, o público pode esperar por uma performance muito criativa.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Rio, 25/11/2019, Concurso Drag Star, Foto de Gilvan de Souza / Agencia O Dia Fotos de Gilvan de Souza
Em cerimônia aberta ao público, na quinta-feira, fãs, familiares e amigos se despediram do apresentador Gugu Liberato, velado no Hall Monumental da Alesp Bruna Sampaio e Carol Jacob/Alesp
Cacau Protásio postou fotos após gravação no Quartel Central dos Bombeiros Divulgação
Casos como o vazamento de água que atingiu a Rua Jorge Rudge, em Vila Isabel, na Zona Norte, estão sendo resolvidos pela Cedae em até 72 horas a partir da solicitação Reginaldo Pimenta
A Igreja Cristã Maranata realizou o evento "Trombetas e Festas: Um alerta!" no último domingo (24), na cidade de Marechal Floriano (ES) DIVULGAÇÃO
Em um setor com uma carga tributária tão elevada, como é possível que um maço seja encontrado por menos de R$ 5? GUSTAVO MONTEIRO
A polícia deixou um bolo na porta do bar, a pedido do sequestrador. No detalhe, um refém liberado Estefan Radovicz
Flagrante de cliente comprando passagem irregular na estação do metrô, em Vicente de Carvalho, Zona Norte: MetrôRio diz que aciona órgãos competentes nesses casos fotos de Reprodução

Comentários