MPRJ vai quitar a primeira parcela do 13º de promotores e servidores - Reprodução Internet
MPRJ vai quitar a primeira parcela do 13º de promotores e servidoresReprodução Internet
Por O Dia
Rio - Cinco pessoas foram presas, nesta quarta-feira, durante uma operação do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) contra uma quadrilha especializada em obter vantagem de motoristas de vans. De acordo com o MPRJ, os acusados cobravam para que os motoristas pudessem trabalhar nas vans em Campos dos Goytacazes, no Norte fluminense.
A ação aconteceu por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO/MPRJ), do 6º Comando de Policiamento de Área (CPA) da Polícia Militar e da Coordenadoria de Segurança e Inteligência (CSI/MPRJ). Entre os objetivos da operação estava o cumprimento de cinco mandados de prisão e outros cinco de busca e apreensão contra os integrantes da quadrilha.
Publicidade
A investigação foi instaurada a partir de suspeitas de que criminosos estariam cobrando pelo serviço de transporte de passageiros no município. De acordo o MPRJ, a organização dominava um ponto no Mercado Municipal, onde ameaçava os motoristas que pretendessem conduzir passageiros.

A prisão temporária dos cinco suspeitos e as buscas foram expedidas pela 3ª Vara Criminal de Campos.