Por O Dia
Rio - O Instituto Brasileiro de Autorregulação do Setor da Infraestrutura (Ibric) recebeu nesta semana a adesão da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor) e da Riopar Participações. Criado como resultado de uma ação coletiva de empresas e organizações do setor de infraestrutura para promover o fortalecimento da ética, da integridade e da transparência, combater a corrupção e aumentar a concorrência no ramo, o instituto reúne no seu portfólio, após pouco mais de dois meses do lançamento, cerca de 30 empresas e instituições.

O diretor-presidente do IBRIC, general Sergio Etchegoyen, disse que o Instituto acaba de completar a fase de estruturação, com o objetivo de criar um ambiente seguro e favorável aos negócios, adequando instituições e empresas às melhores práticas internacionais de conduta.

"Estamos defendendo uma ideia, para mim altamente entusiasmante, de tornar o ambiente da infraestrutura o mais saudável e transparente. Nenhum de nós do IBRIC representa empresa alguma, mas uma ideia. As empresas e instituições que aderem têm convergência com nossos objetivos, que são valorizar a ética e promover práticas de conformidade", esclareceu o general.

O presidente executivo da Fetranspor, Armando Guerra Junior, que assumiu o cargo em setembro de 2017, explicou que há dois anos desenvolve um trabalho contínuo, na instituição, para implantação de uma nova governança e prática de gestão, que valorizam a transparência do setor de transporte público de passageiros.

"A adesão ao IBRIC é um passo muito importante no processo de transformação da Fetranspor, uma oportunidade para aprimorar as nossas práticas internas e demonstrar publicamente o compromisso com a mudança. Hoje, podemos garantir que todos os dados do nosso sistema de transporte estão acessíveis aos órgãos de controle e fiscalização do Governo. E ainda implantamos este ano um Programa de Integridade e Conformidade", disse o executivo.

Participaram do evento de assinatura da adesão da Fetranspor ao Instituto, além do presidente da Federação e do general Etchegoyen, os diretores do IBRIC Raul Jungmann (Relações Institucionais) e Sergio Leão (Sustentabilidade) e diretores e integrantes do Conselho de Gestão da Fetranspor.