Casal suspeito de homicídio é preso em Queimados

Segundo as investigações, o corpo da vítima foi encontrado meses depois de seu desaparecimento, a cerca de dois quilômetros do último local em que foi visto com vida

Por O Dia

55ª DP (Queimados)
55ª DP (Queimados) -
Rio - Policiais da 55ª DP (Queimados) prenderam, nessa quarta-feira, em Queimados, na Baixada Fluminense, um homem e uma mulher, em cumprimento a mandados de prisão temporária, expedidos pela Justiça, pelo crime de homicídio qualificado.

Segundo as investigações, o corpo da vítima foi encontrado meses depois de seu desaparecimento, a cerca de dois quilômetros do último local em que foi visto com vida, em um dos dois poços encontrados pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), no município e que eram utilizados para ocultar cadáveres.

A motivação do crime seria questões ligadas a posse de terreno em que a vítima havia construído sua casa. Os presos foram encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão à disposição da justiça.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários

Casal suspeito de homicídio é preso em Queimados O Dia - Rio de Janeiro

Casal suspeito de homicídio é preso em Queimados

Segundo as investigações, o corpo da vítima foi encontrado meses depois de seu desaparecimento, a cerca de dois quilômetros do último local em que foi visto com vida

Por O Dia

55ª DP (Queimados)
55ª DP (Queimados) -
Rio - Policiais da 55ª DP (Queimados) prenderam, nessa quarta-feira, em Queimados, na Baixada Fluminense, um homem e uma mulher, em cumprimento a mandados de prisão temporária, expedidos pela Justiça, pelo crime de homicídio qualificado.

Segundo as investigações, o corpo da vítima foi encontrado meses depois de seu desaparecimento, a cerca de dois quilômetros do último local em que foi visto com vida, em um dos dois poços encontrados pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), no município e que eram utilizados para ocultar cadáveres.

A motivação do crime seria questões ligadas a posse de terreno em que a vítima havia construído sua casa. Os presos foram encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão à disposição da justiça.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários