Cabo da PM é suspeito de furtar celular de colega sargento dentro de batalhão

Sargento disse ter visto o cabo tentando disfarçar o furto colocando o telefone em uma árvore próxima do estacionamento do batalhão

Por O Dia

Caso aconteceu centro do batalhão de Belford Roxo
Caso aconteceu centro do batalhão de Belford Roxo -
Rio - O cabo da PM Marcus Valério Carpinetti Costa foi detido, nesta quinta-feira, por suspeita de ter furtado o celular de um sargento no 39º BPM (Belford Roxo), onde ambos são lotados. Ele foi levado à Terceira Delegacia de Polícia Judiciária (3ª DPJM), em Nova Iguaçu, ainda na Baixada Fluminense, para prestar esclarecimentos.
De acordo com a ocorrência registrada pelo batalhão, o PM que teve o celular furtado deu por falta do telefone e perguntou se o cabo o teria visto ou pego ele por engano. O cabo teria negado que estivesse com o telefone, demonstrando "nervosismo e agitação".
Foi então, que, ainda segundo a ocorrência, o cabo teria sido visto pelo sargento e um soldado deixando o celular próximo de uma árvore na área do estacionamento do batalhão. O sargento pegou o aparelho no local e deu voz de prisão ao colega, tendo o outro policial com testemunha.
A ocorrência informa ainda que na 3ª DPJM, o cabo Marcus Valério foi atuado em flagrante por furto, dentro do Código Penal Militar.
A assessoria Polícia Militar, no entanto, diz que após serem levados para a 3ª DPJM, os agentes envolvidos foram liberados "por não ter sido constatada a suspeita".
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O DiaFaça uma contribuição

Comentários