Beatriz Busch pede para sair da Secretaria Municipal de Saúde do Rio

Crivella disse que pediu um prazo para nomear um novo nome. 'Não faltam bons médicos no Rio de Janeiro', disse prefeito

Por O Dia

Beatriz Busch, secretária municipal de Saúde
Beatriz Busch, secretária municipal de Saúde -
Rio - A secretária municipal de Saúde Beatriz Busch pediu para deixar o cargo. A informação foi confirmada na manhã desta quinta-feira pelo prefeito Marcelo Crivella durante entrevista coletiva. Crivella disse que pediu um prazo para nomear um novo nome. "Não faltam bons médicos no Rio de Janeiro", disse. Busch irá ocupar outro cargo no governo municipal, acrescentou o prefeito.
Durante a inauguração do hospital de campanha do Riocentro, Beatriz Busch ressaltou, durante entrevista, a possibilidade de colapso da rede pública de saúde e reforçou a necessidade de isolamento domiciliar. "O sistema público municipal pode colapsar se os outros entes não abrirem seus leitos porque o sistema público municipal não consegue sustentar todo o Estado. Os leitos estão abrindo, mas o sistema público pode colapsar se a população não colaborar, for a rua, retornar os seus hábitos. Ai a gente não consegue segurar essa curva, e não daremos conta a todas as demandas que chegarão aos hospitais", enfatizou.
A secretária de Saúde, Beatriz Busch, foi a primeira do alto escalão do governo a ser diagnosticada com covid-19. Ela ficou internada em um hospital particular da Barra da Tijuca, na Zona Oeste, por uma semana.
 

Comentários