Vírus mata nas aldeias do país

Por

Levantamento da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib), que acompanha o avanço do novo coronavírus por meio do Comitê Nacional pela Vida e Memória Indígena, mostra que já foram contabilizados 610 casos de covid-19 e 103 mortes entre os índios brasileiros em 44 aldeias.

Já o mais recente boletim da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), do Ministério da Saúde, indicava, na segunda-feira, 402 casos confirmados e 23 óbitos. Segundo especialistas, a diferença ocorre em função do governo excluir índios das zonas urbanas.

Comentários