Compositor da Mocidade de Padre Miguel morre de coronavírus

Ele é o terceiro componente da escola que morre vítima da doença

Por O Dia

Tânio Mendonça era compositor da Mocidade Independente de Padre Miguel e morreu neste sábado vítima do coronavírus
Tânio Mendonça era compositor da Mocidade Independente de Padre Miguel e morreu neste sábado vítima do coronavírus -
Rio - O compositor da escola de samba Mocidade Independente de Padre Miguel, Tânio Mendonça, morreu neste sábado vítima do novo coronavírus. De acordo com a página da escola no Facebook, Tânio 'foi um guerreiro lutando pela vida durante várias semanas internado'.
"É com profundo pesar que a Mocidade Independente de Padre Miguel comunica o falecimento de mais um de seus integrantes vitimados pela Covid-19. Tânio Mendonça era um de nossos compositores mais atuantes e foi um guerreiro lutando pela vida durante várias semanas internado!", diz o texto. 
Além disso, a página também desejou força aos amigos e familiares do compositor e finalizou dizendo para que todos se cuidassem.
Esse é o terceiro integrante da escola que morre este ano. No mês passado, Rodrigo Richard, também foi vítima do coronavírus. Ele tinha 27 anos e atuava no apoio a musas da agremiação. Dois dias antes, a escola também perdeu Vagner Prata, aos 40 anos. Ele morreu no Hospital Rocha Faria, após Síndrome Respiratória Aguda Grave. 

Comentários