Copacabana ultrapassa marca de mil casos confirmados de covid-19

Em seguida, os bairros com mais casos de coronavírus registrados pela Prefeitura do Rio são Campo Grande (912) e Barra da Tijuca (822), Zona Oeste do Rio; Tijuca (739), na Zona Norte; e Bangu (630), Zona Oeste da cidade.

Por O Dia

Copacabana é bairro com mais casos confirmados de coronavírus na cidade do Rio
Copacabana é bairro com mais casos confirmados de coronavírus na cidade do Rio -
Rio - O bairro de Copacabana, na Zona Sul do Rio, é o primeiro a ultrapassar a marca de mil casos confirmados pelo painel da Prefeitura do Rio. São 1.015 registros segundo a última atualização, realizada na segunda-feira (25). O município acumula 22.466 casos, 732 confirmados nas últimas 24h. Em toda a rede Sus estão internadas 2.004 pessoas na cidade, sendo 681 em leitos de UTI.
Depois de Copacabana, os bairros com mais casos registrados são Campo Grande (912) e Barra da Tijuca (822), Zona Oeste do Rio; Tijuca (739), na Zona Norte; e Bangu (630), Zona Oeste da cidade.
O sistema da Prefeitura não está mais informando a relação de mortes por bairros. São 2.831 vítimas fatais na cidade. 
Prefeitura do Rio planeja retomada e libera funcionamento de templos
A Prefeitura do Rio já traça um plano de retomada das atividades que foram paralisadas por conta da covid-19. Templos religiosos foram considerados atividades essenciais e, por isso, poderiam funcionar, seguindo as recomendações de proteção e higiene. Em coletiva no Hospital de Campanha do Riocentro, na segunda-feira, o prefeito Marcelo Crivella afirmou que o Conselho Científico se reúne a cada dois dias para analisar a situação da cidade. Mas, ainda não há previsão para o fim das medidas restritivas e os bloqueios em 13 bairros foram prorrogados por mais sete dias.

De acordo com Crivella, os clubes de futebol esperavam iniciar os treinos coletivos com bola na segunda, mas a prática foi adiada para o mês de junho. As partidas, sem torcida, devem começar em julho e os times pediram à prefeitura que, com base nos dados da curva de julho, sejam definidas as duas rodadas finais do campeonato.

Nesta semana, começam a ser publicadas as regras de ouro, que são os protocolos a serem adotados para reabertura. A previsão é que no próximo mês, reabram as concessionárias de automóveis, lojas de móveis e academias de ginástica. "Já temos planos para o retorno. A expectativa é de ir abrindo aos poucos, não há expectativas de fechar mais, de impedir mais atividades", afirmou o prefeito.

Rio tem 112 mortes em 24 horas, casos beiram 40 mil

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro informou, na segunda-feira, que há 39.298 casos confirmados e 4.105 óbitos por coronavírus em todo o estado. Há ainda 986 óbitos em investigação e 240 foram descartados. Até o momento, entre os casos confirmados, 31.687 pacientes se recuperaram da doença. Nas últimas 24h, 112 pessoas morreram.

Comentários