Servidores do Degase oficializam o casamento civil próximo do Dia dos Namorados

Casais aguardam cerimônia coletiva no monumento do Cristo Redentor

Por O Dia

Amor em tempos de pandemia - Servidores do DEGASE oficializam o casamento civil próximo do Dia dos Namorados
Amor em tempos de pandemia - Servidores do DEGASE oficializam o casamento civil próximo do Dia dos Namorados -
Rio - A pandemia não abalou os noivos Karina Duarte e Wilson Cardoso, entre outros casais formados por servidores do Degase. Eles efetivaram o casamento civil no Cartório da Ilha do Governador, com a presença da juíza de paz por videoconferência. Um desses casais foi Karina Soares e Wilson Cardoso, que já está junto há 25 anos. Eles se casaram no dia 4 de junho e, no dia 10, foi a vez do casal Fernanda Lessa e Marcelo Bezerra, junto há 8 meses.

A cerimônia coletiva religiosa com efeito civil, que aconteceria no início de junho, seria realizada no monumento do Cristo Redentor e precisou passar por mudanças devido à pandemia de covid-19. Apesar dos planos adiados, os casais continuaram nos preparativos para a união e, no dia 4, dois casais foram os primeiros do grupo a efetivarem o casamento civil no Cartório da Ilha do Governador, com a presença da juíza de paz por videoconferência.
"Foi uma oportunidade incrível que o Degase nos deu para formalizar nossa união. Os gastos com casamento civil e religioso costumam ser altos e sempre acabamos tendo outras prioridades, mas com esse incentivo tivemos a chance de realizar esse sonho", conta Karina, que começou a namorar Wilson aos 15 anos. Através de parceria do departamento com a Fundação Leão XIII, os noivos tiveram isenção no pagamento das taxas cartorárias.

Outro servidor do Degase, Marcelo Bezerra, conheceu a professora Fernanda Lessa na internet, e acabaram tendo a ajuda do mundo virtual também na cerimônia civil. Tanto a juíza quanto seus convidados participaram do momento à distância, por videoconferência, e no cartório, estavam apenas os noivos e um casal de padrinhos.
"Quando saiu a chamada a inscrição no casamento coletivo, eu estava de férias, só fiquei sabendo quando retornei e as vagas já havia sido preenchidas. Mas um dos casais inscritos desistiu e, felizmente, pudemos aproveitar essa oportunidade", comemorou Marcelo.

Após a oficialização no cartório, os casais continuam na expectativa para a celebração religiosa. A previsão é de que, no segundo semestre do ano, com a retomada das atividades religiosas e reabertura dos pontos turísticos, a cerimônia aconteça, reunindo todos os casais para receber o sacramento do matrimônio aos pés do Cristo Redentor.

Assessora da direção geral do órgão, Jocimara Theodoro, a Jô, fez a inscrição de todos os casais, além do contato com as instituições parceiras. "Os noivos ficaram muito felizes pela oportunidade", salientou.
Entre os meses de fevereiro e março, os casais realizaram as burocracias relacionadas à documentação e deram entrada no processo de formalização do matrimônio no cartório, sem nenhum custo. Também entraram como parceiros os Cartórios da 1a. Circunscrição do Registro Civil das Pessoas Naturais (RCPN) da Ilha do Governador e de Volta Redonda, além do SENAC, que será responsável pela maquiagem das noivas.

Galeria de Fotos

Amor em tempos de pandemia - Servidores do DEGASE oficializam o casamento civil próximo do Dia dos Namorados Divulgação
Amor em tempos de pandemia - Servidores do DEGASE oficializam o casamento civil próximo do Dia dos Namorados Divulgação

Comentários