Coronavírus: Copacabana Palace e Fasano anunciam data de reabertura

Fechado há quatro meses para hóspedes, essa foi a primeira vez que o Copacabana Palace teve o funcionamento interrompido, desde sua inauguração em 1923

Por O Dia

Hotel Copacabana Palace
Hotel Copacabana Palace -
Rio - Símbolos do luxo na capital fluminense, os hotéis Copacabana Palace e Fasano, na Zona Sul do Rio, anunciaram a retomada das atividades. Fechado para os hóspedes desde o dia 10 de abril, no início da pandemia da covid-19, o Copa será reaberto no dia 10 de agosto. Já o Fasano volta no dia 17 de julho.
Essa foi a primeira vez que o Copacabana Palace teve o funcionamento interrompido desde sua inauguração, em 1923. Neste quatro meses fechado para os hóspedes, apenas dois moradores permaneceram no hotel: Andrea Natal, diretora-geral do Grupo Belmond do Brasil, que administra o local; e o cantor Jorge Ben Jor, que reside no local há 2 anos.
O Fasano anunciou, em um comunicado, que a reabertura será com operações e serviços limitados, com avaliação constante para que "hotel possa cuidar da segurança e do bem-estar dos hóspedes, colaboradores e da comunidade em geral, com todas as práticas e protocolos de prevenção".
Segundo o plano de retomada elaborado pela Prefeitura do Rio, os hotéis e hostels estão autorizados a retomar as atividades, mediante uma série de medidas restritivas, a partir desta quarta-feira.
 

Comentários