Rodrigo Drable  - Divulgação
Rodrigo Drable Divulgação
Por Agência Brasil
Rio - A Justiça determinou o afastamento de Rodrigo Drable Costa do seu cargo como prefeito de Barra Mansa, no Sul Fluminense, e de dois dois vereadores e um oficial da Polícia Militar que tem cargo comissionado na prefeitura. De acordo com o Ministério Público do Estado (MPRJ), eles são acusados de corrupção e formação de organização criminosa
Na manhã desta terça-feira, o MPRJ e a Polícia Civil realizam uma operação para cumprir 11 mandados de busca e apreensão na Prefeitura e na Câmara Municipal de Barra Mansa, além de outros endereços relacionados a quatro acusados de integrarem uma organização criminosa e prática de corrupção ativa.

Os mandados foram expedidos pelo Segundo Grupo de Câmara as Criminais do Tribunal de Justiça do Rio.
Entre os denunciados pelo do Grupo de Atribuição Originária Criminal da Procuradoria-Geral de Justiça (Gaocrim/MPRJ) à Justiça estão o prefeito e os vereadores Zélio Resende Barbosa e Paulo Afonso Sales Moreira, vulgo Paulo Chuchu, além do coronel da Polícia Militar Jorge Ricardo da Silva, ocupante de cargo comissionado da Prefeitura.
Publicidade
O órgão não deu detalhes sobre as investigações ou sobre o esquema criminoso supostamente cometido pelos denunciados porque o processo tem sigilo decretado.