118ª DP (Araruama)

 - Divulgaçao
118ª DP (Araruama) Divulgaçao
Por O Dia
Rio - A Polícia Civil prendeu, na manhã desta quarta, um homem identificado como Alexsandro Oliveira do Brasil, de 44 anos, em Araruama. Ele é suspeito de ter estrangulado até a morte sua ex-companheira Gisele Maria da Conceição, 38, dentro de sua residência e abandonado o corpo da vítima em um matagal próximo ao local. Ela foi vista pela útima vez dia 9 de julho, dizendo que iria à casa de seu namorado.  

De acordo com a polícia, após investigação foi apurado que o principal suspeito do desaparecimento de Gisele seria o seu namorado Alexsandro. A delegada Isabelle Conti pediu busca domiciliar na casa do suspeito, na tarde desta terça-feira, após uma denúncia anônima.

Ainda de acordo com a polícia, na tarde de ontem, familiares da desaparecida compareceram na sede da 118ª e contaram que um corpo feminino em avançado estado de decomposição havia sido localizado na Estrada da Conceição, no distrito de bairro São Vicente, em Araruama. Após examinarem a roupa da vítima, os agentes constataram que se tratava de Gisele.

A polícia informou que diante da situação, policiais militares foram acionados para verificar o encontro do cadáver e, enquanto estava o local, souberam que suspeito estaria em um bar nas redondezas, após receberem uma informação de sua localização passada pelo Disque Denúncia (2253-117). Os policiais, então, foram ao local e conduziram Alexsandro até a 118ª DP.

O suspeito acabou confessando que, no dia 9 de julho, no interior da residência dele, após desentendimento motivado por ciúmes, estrangulou Gisele até a morte. Após, com um carrinho de mão, removeu o corpo da vitima e o abandonou em um matagal próximo onde ele morava.