Sargento do Corpo de Bombeiros é morto a tiros pela própria mulher na Zona Oeste

Leonardo Campos André foi baleado após uma briga do casal, onde a esposa teria sido agredida por ele

Por O Dia

Rio - Um sargento do Corpo de Bombeiros foi morto a tiros, neste sábado, no Jardim Maravilha, em Guaratiba, Zona Oeste do Rio. Identificado como Leonardo Campos André, ele foi baleado pela própria mulher, Jocilene Machado André, após uma briga do casal, onde ela teria sido agredida.
Segundo a Polícia Militar, equipes do 27º BPM (Santa Cruz) foram acionadas para verificar informações de uma ocorrência de homicídio no Jardim Maravilha. No local, os agentes foram informados que o militar havia sido socorrido por seu irmão para o Hospital Municipal Rocha Faria, mas não resistiu. A ocorrência foi encaminhada para a 43ª DP (Guaratiba) e posteriormente para a Delegacia de Homicídios.
Em nota, a Polícia Civil informou que "as investigações estão em andamento na Delegacia de Homicídios da Capital. A perícia foi feita no local e o corpo da vítima foi encaminhado para o IML/Centro. A mulher da vítima está sendo ouvida, neste momento, na especializada".
O militar era lotado no Quartel General da corporação, na Praça da República, no Centro. 

Comentários