Imagens eram divulgadas em página do facebook - Reprodução / Facebook
Imagens eram divulgadas em página do facebookReprodução / Facebook
Por O Dia
Rio - Policiais da Delegacia do Consumidor (Decon) prenderam em flagrante, nesta segunda-feira, uma transexual que realizava aplicações de silicone industrial nos glúteos de pessoas residentes nos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais. Danyella Morenno realizava os procedimentos na residência dos clientes, que entravam em contato com ela por meio de redes sociais.

Galeria de Fotos

Material apreendido Divulgação
Imagens eram divulgadas em página do facebook Reprodução / Facebook
Imagens eram divulgadas em página do facebook Reprodução / Facebook
Publicidade
De acordo com a investigação, a presa vinha realizando as aplicações em clientes há cerca de dez anos. Ainda segundo a polícia, ela não possui habilitação para realização de procedimentos invasivos e utilizava material sem esterilização e totalmente impróprio para o uso em humanos.
Com base em trabalho de inteligência, os agentes conseguiram chegar à identificação da autora e ao endereço onde estavam localizados os produtos, no município de Nilópolis, na Baixada Fluminense. No local, foram apreendidos seringas cirúrgicas, anestésicos e tubos de silicone industrial, todos impróprios para uso. Ela foi indiciada por vender, ter em depósito para vender ou expor à venda ou, de qualquer forma, entregar matéria-prima ou mercadoria, em condições impróprias ao consumo.