Maquinas e cartões que foram apreendidas com os suspeitos - Divulgação/Policia Civil
Maquinas e cartões que foram apreendidas com os suspeitosDivulgação/Policia Civil
Por O Dia
Publicado 10/09/2020 15:53 | Atualizado 10/09/2020 15:53
Rio de Janeiro - Policiais prenderam, nesta quarta-feira, dois criminosos acusados de aplicar o golpe do falso motoboy em diversos estados do País. Eles foram presos um no Fonseca, em Niterói e outro na Lapa, no Centro do Rio, no momento em que tentavam extorquir mais uma vítima. A dupla vai responder pelos crimes de furto e associação criminosa.
A investigação apontou que os golpistas ligavam para o telefone da vítima alegando que havia uma compra não autorizada no cartão de crédito dela. Pediam todos os dados e a senha do cartão, e em seguida, explicavam que um motoboy do banco passaria na casa da vítima para pegar o cartão.
Publicidade
Uma idosa, em quem eles tentavam aplicar o golpe, suspeitou da ação e entrou em contato com a delegacia. Os agentes deram início as diligências e conseguiram capturar um dos criminoso em flagrante com o cartão dela.
Após trabalho de inteligência, os policiais descobriram que o cartão seria entregue a outro criminoso que tinha ligado para a vítima e pego a senha. Ele foi localizado na Lapa com 32 máquinas de crédito e débito onde os saldos dos cartões eram "descarregados'.
Publicidade
De acordo com o delegado Luiz Jorge Rodrigues, titular da unidade, a quadrilha tem integrantes em Belo Horizonte, no estado de Minas Gerais e viaja por todo Brasil aplicando o golpe. As investigações prosseguem para identificar e prender outros envolvidos.