MPE pede impugnação de candidatura de Lingbergh Farias

Ex-senador e candidato a vereador do Rio pelo PT teve direitos políticos suspensos em 2019 por improbidade administrativa

Por O Dia

Ex-senador petista Lindbergh Farias
Ex-senador petista Lindbergh Farias -
RIO - O Ministério Público Eleitoral do Rio (MPE) ajuizou pedido de impugnação da candidatura de Lindbergh Farias (PT) ao cargo de vereador do Rio. A decisão, tomada em 2 de outubro pela 23ª Promotoria Eleitoral, respeita anterior determinação da Justiça que suspende os direitos políticos do ex-senador por improbidade administrativa, proferida em dezembro de 2019. A impugnação ainda será julgada pelo Tribunal de Justiça do Rio.
A ação por improbidade administrativa tramita no Tribunal de Justiça desde 2010, sob alegação de lesão ao patrimônio público e/ou enriquecimento ilícito, referente à campanha para prefeito de Nova Iguaçu em 2008. Na ocasião, o então prefeito e candidato à reeleição A decisão de 2019 da desembargadora Elisabete Filizzola sustenta que utilizou sua posição política para fins eleitoreiros ao utilizar tanto a distribuição de "cadernetas-sociais" distribuídas a cerca de 6 mil famílias para o recebimento de leite com a logomarca da prefeitura de Nova Iguaçu e o nome de Lindbergh Farias. 
A reportagem ainda não conseguiu contato com o ex-senador.



Comentários