Para lojas de rua e shoppings, a multa será de R$ 360 por funcionário - Rafael Barreto/Divulgação
Para lojas de rua e shoppings, a multa será de R$ 360 por funcionárioRafael Barreto/Divulgação
Por O Dia
Publicado 17/10/2020 11:28 | Atualizado 17/10/2020 18:46
Rio - No Dia do Comerciário, nesta segunda (19), está proibida a abertura de qualquer loja. A decisão é do Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro e da Justiça do Rio, seguindo o que foi definido na Convenção Coletiva anual da entidade, realizada em maio. Estão proibidas vendas online, trabalho remoto e funcionamento com portas fechadas. O sindicato conseguiu decisão favorável contra a rede de lojas American Pet, que anunciou funcionamento normal durante o feriado. A Justiça determinou multa de R$ 50 mil para cada loja que descumprir a decisão. 
"O comercio só fecha três vezes no ano: Dia do Comerciário, Natal e Ano Novo, são as únicas oportunidades de descanso dos funcionários. Apesar da proibição de abrir, alguns patrões ainda insistem na irregularidade. Por isso, estaremos em campo fiscalizando para defender os direitos dos comerciários", destaca Marcio Ayer, presidente do Sindicato.
Publicidade
De acordo com o sindicato, quem descumprir a determinação será multado e terá o espaço fechado. Para lojas de rua e shoppings, a multa será de R$ 360 por funcionário. Para mercados, a multa será de R$ 619,91 por funcionário.
Denúncias
Publicidade
O Sindicato dos Comerciários disponibilizou diversos canais para denúncias com garantia de anonimato. E-mails podem ser enviados para denuncia@secrj.org.br, assim como mensagens para o telefone (21) 96424-3770 e ainda no próprio site do órgão: www.secrj.org.br/denuncias.