Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense - Divulgação
Delegacia de Homicídios da Baixada FluminenseDivulgação
Por O Dia
Rio - Um miliciano suspeito de homicídio qualificado foi preso neste sábado pela força-tarefa criada pela Polícia Civil para combate às milícias, representada por agentes da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF). Ele foi localizado em uma residência no município de Magé, onde foi cumprido um mandado de prisão preventiva.

O crime ocorreu em dezembro de 2019. A vítima foi morta por dois disparos de arma de fogo, após uma briga em frente ao Polo Desportivo no bairro Mauá, em Magé. Segundo a Polícia Civil, o preso agiu com outros dois homens.

De acordo com as investigações, o homem preso neste sábado é violento. Ele possui anotações criminais pela prática dos crimes de porte ilegal de arma de fogo e receptação.