Selecionados vão trabalhar no projeto A Maré que Queremos - Elisangela Leite/Redes da Maré
Selecionados vão trabalhar no projeto A Maré que QueremosElisangela Leite/Redes da Maré
Por O Dia
Rio - A Redes da Maré recebe, até esta segunda-feira, inscrições para 17 vagas abertas para o projeto A Maré que Queremos. O candidato precisa ser morador de uma das 16 comunidades do conjunto de favelas da Zona Norte do Rio, de Manguinhos ou dos complexos da Penha, do Alemão e do Caju. Os selecionados vão receber de R$ 2 mil a R$ 3 mil por mês.
O trabalho será realizado ao longo de dois meses, com início previsto já para novembro. As vagas abertas são para designer, pesquisador, mobilizador local, técnico em georreferenciamento, analista de dados, jornalista e educador/ativista ambiental.
Publicidade
Os interessados vão trabalhar 15 horas por semana e precisam ter acesso a um celular ou computador com Internet, por onde as atividades serão desenvolvidas. Inscrições e mais informações em www.redesdamare.org.br.