Disque Denúncia pede informações sobre miliciano envolvido em homicídio em Guaratiba - Divulgação / Portal dos Procurados
Disque Denúncia pede informações sobre miliciano envolvido em homicídio em GuaratibaDivulgação / Portal dos Procurados
Por O Dia
Rio - O Portal dos Procurados divulgou, nesta terça-feira, um cartaz para ajudar a Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) e ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado com informações que possam localizar e prender Lincoln Brandão da Cruz dos Santos, 32 anos, suspeito de envolvimento em um homicídio, em fevereiro, em Guaratiba, Zona Oeste do Rio. 
Nesta segunda-feira, a DHC e o Gaeco realizaram uma operação para prender os quatro denunciados pelo homicídio. Na ação, foram presos Diego de Albuquerque Forte e Maurício Lopes dos Santos. José Carlos Luiz da Silva já estava preso e o mandado foi cumprido no presídio, já Lincoln  é considerado foragido da Justiça.
Publicidade
No dia do crime, Francisco Adriano Tomás, foi executado com pelo menos 44 disparos de arma de fogo efetuados por Lincoln e José Carlos. Segundo as investigações, também participaram do assassinato os milicianos Diego de Albuquerque e Maurício Lopes. A polícia aponta que o  crime foi cometido por questão financeira. Segundo investigações, vítima tinha uma dívida com a milícia. 
Investigações apontam que após o assassinato, os criminosos também roubaram pertences do corpo e da residência da vítima e ameaçaram ao menos uma testemunha.

Os quatro foram denunciados pelo GAECO/MPRJ por homicídio e furto. Lincoln, Diego e José Carlos também foram denunciados por constituição de milícia privada. Diego foi denunciado, ainda, por coação no curso do processo, por ter ameaçado uma testemunha caso denunciasse o crime.

Ainda segundo o Portal dos Procurados, contra Lincoln, ainda em liberdade, e também contra os outros denunciados, foi expedido um mandado de prisão, pela 3ª Vara Criminal da Comarca da Capital, pelo crimes de homicídio qualificado, furto qualificado e associação criminosa, com pedido de prisão preventiva.

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização de Lincoln, denuncie pelos seguintes canais abaixo:

- Whatsapp Portal dos Procurados: (21) 98849-6099

- Facebook/(inbox), Twitter Portal dos Procurados

- Telefone do Disque-Denúncia: (21) 2253-1177; 

- Aplicativo "Disque Denúncia RJ"; 

Todas as informações garantem o anonimato e serão encaminhadas para DHC, responsável pelo caso.