Policiais civis apreenderam relógios Rolex, armas, celulares e um carro  - Divulgação
Policiais civis apreenderam relógios Rolex, armas, celulares e um carro Divulgação
Por O Dia
Rio – Cinco homens suspeito de integrar uma quadrilha de assaltantes foram presos na tarde desta terça-feira (1º) por policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Propriedade Imaterial (DRCPim) e da 15ª DP (Gávea). Segundo investigações, eles fazem parte de um grupo conhecido como a ‘Gangue do Rolex’.

No último domingo (30), esse mesmo grupo tentou assaltar o delegado da Polícia Civil Maurício Demétrio, que estava indo almoçar com a família em um restaurante na Zona Sul do Rio. O delegado reagiu e trocou tiros com o bando, que fugiu.

Segundo a Polícia Civil, o grupo é suspeito de cometer crimes contra frequentadores de restaurantes e hotéis na Zona Sul da capital,

A polícia apreendeu 10 relógios da marca Rolex, um revólver, uma pistola, duas granadas, celulares e um carro. Um dos suspeitos foi baleado ao tentar reagir a prisão. Ele foi socorrido para o Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste.

As investigações da polícia apontam que o bando é oriundo de São Paulo. Os criminosos planejavam ficar no Rio por pelo menos três meses e sairiam da cidade.

Os assaltantes já eram investigados pela Polícia Civil de São Paulo. Lá, ao menos seis roubos em bairros nobres foram atribuídos ao grupo. A polícia analisou imagens de câmera de segurança e conseguiu identificá-los.

Foram presos: Renan Gouveia; Erick Oliveira dos Santos; Mateus de Paula Abreu; Tiago dos Santos Pereira e Paulo Ricardo de Oliveira Moraes.